27 de mai de 2010

Milimetricamente sua


A felicidade se apresenta de várias maneiras, cabe a você escolher uma que te caiba. Feita a escolha, não se importe com o que as pessoas pensarão, mesmo as que te amam, a felicidade que elas escolherem pra você pode ser diferente e 'melhor', mas pra elas, só você sabe só de olhar em que roupa vai caber. ;D

Damari Silveira

14 de mai de 2010

Hoje

Eu tenho uma espécie de 'urgência em viver' dentro de mim. Não sei porquê isso acontece, mas quase sempre sinto que amanhã pode ser tarde demais. Por vezes faço o que me dá vontade. Por vezes me seguro, e fico sufocada, presa. Você não acredita na frase: ‘Não deixe pra amanhã o que você pode fazer hoje’ até que alguém te esqueça, até que perca uma grande oportunidade, ou até que alguém que você quer muito se vá, no outro dia. Ninguém acredita de verdade nessa frase até perder a pessoa que ama sem nunca ter dito como se sente, como pensa nela todo dia, toda hora, como queria que ela tivesse do seu lado o tempo inteiro. Isso não quer dizer que todo mundo deve sair por ai agindo inconseqüentemente. Mas se você parar pra pensar em alguém e te der uma agonia imensa em pensar que ela pode nunca saber que você o ama, não espere amanhã, esqueça as regras do jogo, esqueça o que as pessoas dizem sobre orgulho e timidez. Esqueça o que te enfiaram na cabeça sobre como essas coisas não são tão importantes quanto seu trabalho e seus estudos, acredite, elas são muito mais. Esqueça disso tudo, simplesmente faça as pessoas perceberem que são lembradas e que são amadas por você, pode ser um amigo que você não fala faz tempo, seus pais que você vê todo dia, sua namorada ou até um amor platônico. Só fale. Sinto sua falta. Penso em você. Me perdoe. Eu te amo.


Damari Silveira

13 de mai de 2010




“Não sei, deixo rolar. Vou olhar os caminhos, o que tiver mais coração, eu sigo.”

Caio Fernando Abreu

Teria mesmo chegado ao ponto de dizer nutro? Teria, teria sim, teria dito nutro e relacionamento e rompimento e afeto, teria dito também estima e consideração e mais alto apreço e toda essa merda educada que as pessoas costumam dizer para colorir a indiferença quando o coração ficou inteiramente gelado."

- Caio F.Abreu -



"Sabe, eu me perguntava até que ponto você era aquilo que eu via em você ou apenas aquilo que eu queria ver em você, eu queria saber até que ponto você não era apenas uma projeção daquilo que eu sentia, e se era assim, até quando eu conseguiria ver em você todas essas coisas que me fascinavam e que no fundo, sempre no fundo, talvez nem fossem suas, mas minhas, e pensava que amar era só conseguir ver, e desamar era não mais conseguir ver, entende?"


Caio Fernando Abreu

12 de mai de 2010

Odeio você.

Eu odeio o jeito como você me olha quando ninguém vê, e o jeito como você não me olha quando fala comigo.
Odeio como você consegue tirar meu sono, minha fome e meu sossego.
Odeio seu abraço que eu não tenho quando quero e seu beijo que eu não acho em mais ninguém.
Odeio o seu sorriso que não é por minha causa e odeio principalmente o jeito como você me tira do sério e me deixa sem saber o que fazer, o tempo inteiro.
Odeio mais que tudo o quanto eu quero você, o tempo todo, o dia inteiro, até o resto da semana.





Damari Silveira Faria

10 de mai de 2010

Quando o namoro acaba antes do amor acabar...




Namoros são iguais a sorvete! No começo é tão lindo! E as primeiras colheradas são as melhores... Depois ou ele derrete ou fica esquecido no congelador e endurece a ponto de ninguém mais querer comer! Mas é um grande erro achar que aquele sorvete de fundo de congelador perdeu o gosto...e são poucos os que se arriscam a comer o que sobra daquele delicioso e atraente sorvete de outrora. É bem mais fácil jogar o velho fora e comprar um novo certo? ERRADO! Sorvetes têm que ser comidos até o fim! Namoros têm que ser vividos até o último momento! A não ser que ele estrague antes do tempo, aí sim você tem todo o direito de jogá-lo fora, mas um namoro não se estraga por coisa pouca... Pra estragar um bom sorvete é preciso muita, mas muita coisa errada! Um namoro não é estragado por problemas de rotina e falhas de
comunicação! Tomem seus sorvetes até o fim meus queridos... Lutem por aquele restinho que ficou no pote! Ele ainda pode ser saboreado numa bela tarde de domingo... Se não aquilo fica ali no seu congelador tomando o espaço de novas coisas que podiam está preenchendo sua vida! O que libera a gente pra ser feliz de novo é aquela sensação de “dever cumprido, fui até o final!”. Quando o namoro acaba antes do amor certamente você terá problemas... Quando o pote é jogado antes do sorvete acabar qual é a palavra que nos vem a mente?! DESPERDÏCIO!!! Pelo amor de Deus! Não desperdicem os momentos finais de seus relacionamentos! Não deixem histórias inacabadas dentro do congelador de suas vidas! Eu sei que é tentador comprar outro lançamento de sorvete e experimentar aquele novo produto do mercado! Mas
façam isso depois de todas as colheradas que o antigo sabor podia te proporcionar... Porque um dia aquele lançamento também vai ficar velho... E você vai morrer de saudade daquele restinho de sorvete que você idiotamente desperdiçou... E a sensação de que você nunca vai poder sentir aquele gostinho é horrível... É a mesma sensação de nunca mais poder sentir o gosto
daquele beijo...


Indicação de Neilinha ^^.( Autor desconhecido.)